#Expresso227, do Instituto Alana, relembra crianças e adolescentes na Ditadura

Na semana que marca o 55º ano do Golpe de 1964 e o início da Ditadura Militar no Brasil, convidamos você para o #Expresso227: crianças e adolescentes na Ditadura, para lembrar a gravidade dos atos praticados contra uma geração que cresceu em um período de sérias violações de direitos humanos.

Participam da conversa Carla Borges, do Instituto Vladimir Herzog; Tatiana Merlino, uma das autoras do livro Infância Roubada, que aborda como as crianças foram atingidas pela Ditadura Militar no Brasil; e Eduardo Reina, um dos autores do livro Cativeiro sem fim, que traz as histórias de bebês, crianças e adolescentes que foram sequestrados pela ditadura militar. A mediação será feita pelo coordenador do Prioridade Absoluta, Pedro Hartung.

Você acompanha a conversa por aqui:

Deixe um Comentário