Tarefa 6 – Curso REP! – Tania Regina Borghoff

Data

31 de julho de 2020

Cursista

Tania Regina Borghoff

Função

Peif

DRE / Unidade Educacional

Campo Limpo

Escola

Emei Carlos de Laet

Ação realizada Através do Mapeamento da nossa escola

 

HORTAS PEDAGÓGICA

IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE:
• Nome da Unidade: Emei Carlos de Laet
• DRE: Campo Limpo

CONTEXTO DA UNIDADE:

• Nossa Unidade Educacional:
A escola está inserida na zona periférica da região Sul de São Paulo, estamos
cercados por uma comunidade onde os pais e mães saem de casa muito cedo pra
trabalhar e voltam quando já anoiteceu, desta maneira a maioria dos alunos ficam
com os avós, com cuidadores ou saem de uma escola para outra escola para
completar o período, fazendo uso de transporte escolar. Nossa região é vítima da
violência cotidiana, sofrendo com assaltos, sequestros, violência doméstica e outras
situações de vulnerabilidade social, a maioria das habitações abrigam diversas
pessoas e algumas não contam com sistema de saneamento básico. A escola está
situada em uma praça, com fácil acesso, próxima ao comércio local, atrás da escola
temos um córrego não canalizado. O ambiente escolar é grande, bem arborizado,
limpo e organizado, com pessoas dispostas a atender sempre bem a comunidade. O
espaço da escola é uma potencialidade pois é amplo, com plantações de frutíferascana-de-açucar e outras espécies. Desfrutamos de uma área verde que nos oferece
sombra e frutas diversas a cada estação. Embora os alunos morem em habitações
muito pequenas dentro da unidade escolar eles têm espaço para conhecer, observar,
cuidar e proteger a natureza e o meio ambiente.

DESENVOLVIMENTO DO PLANO DE AÇÃO DA HORTA PEDAGÓGICA

Justificativa: Para ensinar a preservar o meio ambiente, a viver sustentavelmente,
a se alimentar adequadamente é necessário que se ofereça a vivência, ou seja, a
prática destes conceitos. Vivenciar uma horta no espaço escolar traz aos alunos
a conscientização sobre a alimentação saudável, o cultivo da terra mesmo em
meio urbano, a sustentabilidade, a preservação ambiental. Além disso esta prática
possibilita aos educandos experimentar novos sabores, degustar legumes que
não conheciam, enriquecer a alimentação e ter momentos prazerosos de cultivo,
onde se desenvolve também espírito colaborativo, sentimento de
responsabilidade por aquilo que cultivou e respeito à natureza.

Objetivo: Despertar o interesse das crianças para o cultivo de plantas utilizadas
na alimentação através do processo de germinação, oportunizando a degustação
do alimento semeado, cultivado e colhido

Etapas:

  • Observação das arvores do entorno, ypês, mangueiras, bananeiras, Araribás e outras arvores do entorno.
  • Montagem de canteiros e hortas com caixotes.
  • Decoração da sala com cartazes baseados em sentimentos e valores sobre a natureza.
  • Leituras de livros com as fases do plantio.
  • Plantio do alpiste no copo transparente para observação da germinação de sementes.
  • Atividades diferenciadas explorando natureza entorno da escola com as crianças identificando quais ações teremos para melhoria desses espaços.
  • Confecção e fixação de murais pela escola.
  • Visita frequente ao entorno da escola para observação do desenvolvimento das plantas. Registro com vídeos e fotos para exposição.

Qual a missão da nossa horta

Sensibilizar as crianças sobre a importância do meio ambiente, fazendo perceber que somos parte da natureza, despertando curiosidade por meio de experiências e vivencias.                Apresentar para as crianças elementos da natureza como terra, sementes e valores humanos para que as crianças assimilem conceitos importantes acerca da natureza e sociedade e o cuidado com o entorno para um melhor convívio em grupo e qualidade de vida sustentável favorecendo que eles consolidem na educação os valores fundamentais para o adulto do amanhã em cuidado com a vida e a natureza.

.Planejando ações pedagógicas

Através de diálogos e reflexões desenvolver atitudes de preservação dos espaços coletivos e do meio ambiente.

Brincar com os elementos da natureza: árvores, folha, flores, sementes, terra, água, gravetos, cascas, frutas e etc.

Exploração de diferentes movimentos, visando marcas gráficas, experimentação de elementos da natureza de percepções táteis, olfativas, visuais, auditivas.

Observação da paisagem natural, preparo do espaço para plantio, observação do desenvolvimento das plantas, insetos e animais presentes no espaço escolar.

Produções de trabalhos de artes com elementos da natureza, observação da paisagem natural e desenvolvimento das plantas e suas especificidades: formas, cores, tonalidades.

Desenho, esculturas, colagens com elementos naturais, plantio de flores e plantas no jardim, regras e cuidados.

Apreciação de imagens com elementos da natureza, escuta de CDs com sons elementos da natureza como chuva, vento, água, mar, pássaros.

Duração  : Ano letivo e 218 , 2019  e começo de 2020

AVALIAÇÃO DO PLANO DE AÇÃO

Como será feito o acompanhamento e avaliação do projeto?
O acompanhamento será feito pelas professoras envolvidas   e pela equipe gestora que, em parceria com o coordenador pedagógico buscarão junto ao grupo ações para que o desenvolvimento do projeto seja contínuo. Parcerias com a comunidade também serão válidas para que os mesmos se apropriem do espaço escolar e zelem dele. A avaliação do projeto será realizado ao final de cada semestre a fim de verificar os resultados e buscar melhores estratégias para continuidade do projeto