Tarefa 6 – Curso REP! – Luciana Pereira Gaitan Castellanos

Data

30 de julho de 2020

Cursista

Luciana Pereira Gaitan Castellanos

Função

professor de educação infantil

DRE / Unidade Educacional

Penha

Escola

CEI Anna Florêncio Romão

Nome: Luciana Pereira Gaitan Castellanos
RF: 8122024
Escola: CEI Anna Florêncio Romão
DRE: Penha

Tarefa para finalização do Curso: Respeitar é Preciso

Proposta de Ação: Acolhimento, diálogo e ações para o retorno das aulas em tempos de pandemia.

 

Justificativa: Diante da atual situação de pandemia, devido ao vírus Covid 19, o retorno as aulas requer ações conjuntas democráticas, entre escola, famílias e comunidade, onde todos tem voz e vez para se expressar:
Dessa forma, iremos construir juntos ações de informações e conscientização sobre os cuidados necessários para esse regresso à escola, da nova rotina escolar e social, a qual todos estaremos inseridos para o bem estar e preservação de vidas.
Tais ações requer por parte da escola e seus respectivos profissionais um acolhimento humanizado, diálogo constante entre todos os envolvidos, seja através de reuniões virtuais, telefonemas, jornal informativo da escola, cartas de sugestões, entre outros.
O importante nesse retorno é conscientizar todos que o retorno não significa que tudo voltou ao normal de antes, mas que todos devem continuar atentos aos cuidados divulgados pela mídia, OMS para nos proteger do Covid 19.

Diante de um mundo em permanente transformação, a educação se apresenta como uma ferramenta que nos auxilia a compreender, refletir e melhorar a realidade ao nosso redor.

 

Objetivos: Retomar nosso trabalho empenhados em reestabelecer/fortalecer o vínculo entre escola/crianças/famílias/comunidade, através da escuta das dúvidas, medos e anseios por eles apresentados, após esse período de distanciamento.
Dar continuidade ao jornal da escola, a qual abordará sobre a situação atual que estamos passando, reforçando os cuidados de higiene que devem continuar a ter, a importância do uso da máscara, do uso do álcool em gel, de evitar aglomerações, ficar atentos aos sintomas do vírus Covid 19 (especificar quais são para eles, através do mural, panfleto e jornal da escola), reforçar a importância da vacinação.
Informação e conscientização serão o nosso foco, fazendo parte de uma educação continuada com as crianças e adultos, uma ação de longo alcance, a qual irá oportunizar a reflexão e ação conjunta de todos os envolvidos.

 

Desenvolvimento com as orientações aos envolvidos:

Antes do retorna as aulas, através de reuniões virtuais pelo Teams, uma ferramenta que durante esse período de distanciamento social foi usado por nós integrantes da escola começar a pensar nesse retorno.
Dessa forma evitaremos aglomerações e vamos elencar as ações que devem ser tomadas para o retorno das aulas, de forma democrática, dando voz a todos os funcionários da escola.

Não é no silêncio que os homens se fazem, mas na palavra, no trabalho, na ação-reflexão. Paulo Freire

Proposta de Ação:

 

  • Pensar na organização dos espaços e materiais;
  • Elaborar um material informativo para ser postado no Classroom, no Facebook da escola e no painel de entrada da escola com os protocolos de higiene e cuidados que devemos ter nesse momento de pandemia para conter a proliferação do vírus Covid 19, o intuito desse material é reforçar a todos a importância de seguir esses protocolos para o bem estar e saúde de todos;
  • Organização dos tempos e espaços, através de uma linha do tempo para a utilização dos espaços escolares para evitar aglomerações, mas promovendo mesmo que num grau menor a interação entre as crianças com a mediação do professor, de forma segura, visando o acolhimento das crianças, a escuta dos pequenos, sempre respeitando a diversidade e intervindo em ações discriminatórias;
  • Suspensão temporária dos eventos que ocorrem de forma presencial na escola: festa da família, reunião de pais, reunião de conselho, reunião da APM. As reuniões podem ser feitas através das plataformas digitais, as reuniões de Conselho e APM já ocorrem dessa forma, a reunião de pais pode utilizar-se das plataformas digitais e para os pais que não tem acesso ou dificuldade para utilizá-las podem agendar um horário para um atendimento individual dentro das normas atuais de segurança;
  • Criar horários alternativos para a entrada e saída das crianças (conforme a flexibilidade de horário dos pais);
  • Os condutores de transporte escolar devem entrar no máximo de 2 em 2, pois cada transportador já entra com 1 assistente, dessa forma evitaremos aglomerações;
  • Orientar da importância de manter sempre abertas as portas e janelas das salas de aula e demais ambientes;
  • Redução do número de alunos por sala;
  • Ter em todos os espaços álcool gel, sabonete líquido, papel descartável para secar as mãos e rosto;
  • Ter para os funcionários: luvas, máscaras e aventais descartáveis, face shield;
  • Coleta frequente do lixo das salas de aulas e banheiros e sua devida higienização;
  • Higienização dos brinquedos, mesas, cadeiras, colchonetes;
  • Na entrada verificar a temperatura das crianças e adultos;
  • Orientar os pais/responsáveis sobre as regras de funcionamento da EU na reabertura;
  • Reduzir o número de turmas no refeitório, parque, parque sonoro, solário e nos demais ambientes da escola, através da linha do tempo elaborada por todos os funcionários da escola;
  • Reforçar com as famílias da importância de manter a criança em casa quando a mesma estiver doente, de comunicar à escola caso apresentem sintomas do Covid 19 por parte da criança ou de algum familiar. Para que sejam tomadas as devidas providências por parte da escola;
  • Investir na formação de toda a equipe escolar: professores, ATEs, gestores, equipe da cozinha, equipe da limpeza sobre os cuidados de higiene, distanciamento seguro, ético e afetivo;
  • Rodas de conversa com as crianças sobre o momento atual que estamos passando, da importância da higiene na escola e em casa; de não pegar o brinquedo do amigo (a) antes de o mesmo ser higienizado;
  • Conversar com as crianças sobre seus direitos e deveres, através de inúmeras vivências sobre o assunto.
  • Utilizar o livro: Meu herói és tu, como as crianças podem combater o Covid 19! Que fala todos os acontecimentos que o Covid 19 trouxe a todos do planeta, fala sobre os cuidados de higiene, de distanciamento, fala sobre os sentimentos nesse momento. É um livro muito rico e pode ser baixado gratuitamente pelo site: https:/nacoesunidas.org/livro-infantil-e-lancado-para-ajudar-criancas-a-lidarem-com-a-covid19 (no final da página tem o link para baixar o livro em PDF em português). De forma lúdica abordaremos o assunto e daremos voz as crianças.

Duração:

Enquanto o cenário atual não mudar em relação ao contágio, a liberação da vacina para nos proteger do vírus.
Nosso trabalho deve continuar, através da escuta e diálogo entre crianças/família/comunidade/funcionários da EU.

 

Avaliação:

Será contínua, através da observação do comportamento das crianças na escola, da escuta tanto das crianças como de seus familiares, a qual podemos reavaliar nossas ações, planejar novas ações sempre reconhecendo as diferenças, promovendo a equidade e criando ambientes colaborativos.

 

O plano de ação foi embasado no material disponibilizado do Instituto Wladimir Herzog: vídeo aulas, textos em PDF, as lives dos meses de Junho e Julho/2020 com a equipe de profissionais do Instituto, Minuta de Protocolo Volta às aulas da SME de São Paulo, site: https://nacoesunidas.org