Tarefa 6 – Curso REP! – Leandro Souza Rodrigues

Data

4 de agosto de 2020

Cursista

Leandro Souza Rodrigues

Função

Professor de ensino fundamental II e médio

DRE / Unidade Educacional

Penha

Escola

EMEF Arthur Azevedo

Justificativa

Na minha unidade escolar existem alunos oriundos de Portugal, Venezuela, Argentina, Peru, Angola, Paraguai e Líbano, mas cerca de 30% das famílias cujos alunos são atendidos são de origem boliviana sendo que 15% dos alunos matriculados são nascidos na Bolívia e tem o espanhol como língua materna. Além da questão linguística presente, muitos alunos são discriminados pelos seus colegas brasileiros e passam a se relacionar apenas com outros colegas de mesma origem.

Proposta

A proposta é gerar um movimento de inclusão e valorização dos imigrantes por meio de diversas ações que deverão ser realizadas ao longo do ano letivo.

1º Ação: Desenvolver a escuta ativa com alunos e famílias de imigrantes. Com os alunos poderá ser desenvolvida ao longo do ano letivo e contar com os docentes, equipe gestora, de apoio e com o grêmio estudantil, já as famílias podem ser convidadas para uma reunião junto com os alunos no início do ano letivo com a presença de toda equipe escolar apresentando os planos para o ano letivo e orientações de como obter ajudar para emissão de documentos e direitos legais que possuem. É interessante convidar um representante da secretaria municipal de Direitos humanos e Cidadania, da UBS próxima a unidade escolar e do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

2º Ação: Os professores deverão desenvolver atividades e projetos que valorizem a diversidade cultural. A equipe escolar deverá propor meios para que ocorra a inclusão dos alunos imigrantes e solução de conflitos e discriminação.

3º Ação: Realizar uma feira das nações em algum sábado do mês de Junho em referência ao Junho Imigrante onde os alunos apresentarão os trabalhos desenvolvidos. Cada sala poderá representar um país e fazer uma exposição abordando cultura, culinária, clima entre outras informações. Poderão ser convidados voluntários para atender a comunidade em serviços como cabeleireiro, orientação para a prevenção de doenças; exame de vista; oficinas pedagógicas; orientações para Emissão de documentos entre outros.

Avaliação:

Na última reunião pedagógica do ano letivo toda a equipe escolar poderá expressar suas opiniões quanto as mudanças ocorridas devido a esse movimento que pretendia incluir e valorizar os imigrantes. Como referência as seguintes perguntas poderão orientar:

– Os alunos de famílias imigrantes estão mais integrados à escola? Apresentando melhor relacionamento interpessoal?

– As famílias estão mais presentes no processo pedagógico?

– Houve redução dos conflitos e discriminações de ordem cultural?