Tarefa 6 – Curso REP! – José Paulo Barbosa

Data

5 de agosto de 2020

Cursista

José Paulo Barbosa

Função

Professor

DRE / Unidade Educacional

Itaquera

Escola

Ceu Emef Prof Paulo Gomes Cardim

Proposta de ação conjunta envolvendo os diferentes atores da comunidade escolar do CEU EMEF Prof. Dr. Paulo Gomes Cardim.  Diretoria Regional de Educação Itaquera

A referida Unidade Educacional está situada no bairro Santa Terezinha, zona leste da capital, próxima ao Complexo Comercial Center Leste Aricanduva.

Justificativa: Após a suspensão das atividades educacionais devido à Pandemia do COVID 19, o centro educacional unificado, nas dependências da EMEF, se viu, desde então, como local para acolhimento à moradores e moradoras em situação de rua. Esta população foi remanejada em parte do C.T.A. Centro Temporário de Acolhimento Rio das Pedras e também por moradores do centro de São Paulo ( Praça da  Sé). A ocupação das dependências da EMEF causou muita polêmica por parte da comunidade escolar, mostrando-nos maior insatisfação destes moradores ( sobretudo pais/mães/responsáveis dos estudantes) dizendo-se ” inconformadas em ter marginais nas salas de aula”.

Finalidade: A ação da prefeitura partiu de convênio/ parceria entre a Secretaria Municipal de Educação e da Assistência Social afim de promover  acolhimento, higiene, alimentação, segurança e espaços de leitura (biblioteca) e de informática e também de atenção às normas de  distanciamento seguro aos ocupantes.

Objetivos: A proposta de ação busca discutir em todo o território, sobretudo, da importância do respeito ao próximo!! Conscientizar estudantes para que os mesmos multipliquem conceitos chaves dos direitos humanos e publicizá-los pelos diferentes espaços e oficinas do complexo educacional à  diferentes públicos.

Ações: Formar parcerias com diferentes segmentos para historicizar o fenômeno crescente nas diferentes cidades brasileiras sobre os cidadãos/ moradores em situação de rua.

Problematizar a questão da escolarização destes, formação, capacitação  ( oferta) de empregos frente à realidade de nossa cidade. São inúmeros assuntos geradores de discussão, reflexão e propostas para a ressocialização e dos valores humanos.

Contextualizar outros agravantes vividos por parte deste público ( os vícios, práticas ilícitas, abandono familiar, doenças, entre outros ) sempre na perspectiva de superação e acompanhamento profissional quando necessário.

Duração: Momentos de discussão interna entre os estudantes e demais convidados ( participação do Conselho de Escola, Mediação de conflitos, Grêmio, etc) durante o primeiro trimestre de 2021. O segundo momento da ação, visa abranger, CEI, EMEI e Gestao paulatinamente, por todo o território ” CEU Aricanduva ” com previsão de durar aproximadamente dois trimestres. Esta  etapa propõe discussões externas, com parcerias de diferentes colaboradores.

Avaliação e Resultados: O terceiro momento, já próximo ao fim do ano,  será de avaliação do trabalho desenvolvido e análise de sua continuidade. Dimensionar as ações, sistematizá-las e de forma democrática, ouvir os participantes para construções  significativas, respeitosas e certas de que implantemos práticas que dignifiquem o ser humano sob os diferentes olhares.