Tarefa 6 – Curso REP! – Janaina Ferreira da Silva

Data

3 de agosto de 2020

Cursista

Janaina Ferreira da Silva

Função

PEI

DRE / Unidade Educacional

Freguesia do Ó / Brasilândia

Escola

CEI Jardim Peri

Proposta de Ação: Escuta Carinhosa

 

Justificativa – A proposta “Escuta Carinhosa” consiste em criar meios de comunicação que aproxime toda a comunidade escolar com a comissão de mediação de conflitos.

A comissão de mediação de conflitos do CEI Jardim Peri precisa ter a sua divulgação aprimorada e para isso temos que ampliar os seus meios de comunicação com a comunidade escolar, pois a maioria não sabe qual é a finalidade da comissão, como ela funciona, suas possíveis parcerias (Território escolar em geral, NAAPA), seu compromisso com o PPP, Conselho, APM e etc..

Finalidade – Com a proposta “Escuta Carinhosa” poderemos ampliar a comunicação com toda comunidade escolar, criar vínculos, possibilidades de escuta ativa, que respeita o multiculturalismo e trabalha o interculturalismo de maneira efetiva.

Segundo Adriana Friedmann  “todo ser humano quer ser escutado mas, principalmente, respeitado, não é diferente com as crianças” por isso possibilitar uma escuta carinhosa desde a educação infantil é fundamental. Essa escuta tem que ser permanente, não pode ser só em momentos combinados, precisamos contagiar os espaços escolares com ações que combatam todo tipo de preconceito ( racismo, sexismo, homofobia, xenofobia, contra povos originários) é para isso estimular uma comunicação embasada na educação em direitos humanos ( EDH) e essencial.

Temos a possibilidade de ampliar os canais de comunicação da mediação, através do uso da tecnologia (watts, pagina da escola no facebook), caixa de sugestão e de denuncia em local de fácil acesso, combinar com a coordenação momentos no PEA para reflexões e formação em EDH, buscar parcerias com as associações de moradores e outros equipamentos do território escolar.

Objetivos– Ajudar na eficiência da mediação de conflitos, na formação de cidadãos ativos que tenham como base uma educação pautada no respeito, na tolerância, na fraternidade, na igualdade na ética, no censo critico, no direitos humanos, pois assim combateremos o racismo estrutural e todo tipo de preconceito que compõe a sociedade que acabam sendo utilizados como desculpa para necropoliticas estimulada pelo ‘Estado” que serve a uma elite nociva.

Duração – O ano de 2021

Cronograma – Inicio do ano letivo após a primeira reunião de organização da comissão faremos a divulgação dos novos canais de comunicação da comissão e o mapeamento da comunidade escolar, na primeira semana de março faremos uma reunião sobre os dados obtidos e escolha do primeiro bate papo no facebook que serão realizados quinzenalmente (Responder perguntas, comentário de algum tema, divulgação de algum material sobre EDH) e as reuniões avaliativas serão realizadas bimestralmente.

Considerações finais: Acredito muito no impacto que uma educação transformadora e democrática pode causar na sociedade, somente através de projetos que priorizem uma educação pautada em direitos humanos conseguiremos essa mudança. O curso respeitar é preciso foi muito esclarecedor, dinâmico, com ótimos matérias para uma reflexão critica do que estamos vivendo e ampliou possibilidades de como podemos ajudar nessa evolução social.