Tarefa 6 – Curso REP! – Andreia Lourenço Alves

Data

17 de julho de 2020

Cursista

Andreia Lourenço Alves

Função

Assistente de Diretor de Escola

DRE / Unidade Educacional

Capela do Socorro

Escola

CEI PARQUE COCAIA

UNIR PARA RESISTIR

 

Objetivo:        Fortalecer o vínculo entre pais e alunos, professores e pais e toda a comunidade escolar.

Reunir em um espaço lúdico pessoas que estão afastadas a algum tempo .

Promover a interação de grupos diferentes oferecendo a oportunidade de expor suas habilidades.

 

Justificativa:   O presente Projeto tem como  finalidade abrir as portas da escola para que toda comunidade escolar participe de atividades pertinentes à integração e atuação de todos visando o Respeito mútuo e conhecimento de dons que estavam guardados e que agora poderão ser manifestados mostrando a todos, oportunizando as diversas experiências que todos trazem consigo.

 

Metodologia:   As salas de aula serão temáticas e cada pessoa poderá escolher qual atividade gostaria de fazer tais como : Pintura em tecido, Pintura de Unhas, Confecção de máscaras com diversos materiais, Pintura de rosto e Confecção de brinquedos com sucatas.

 

Duração:  O tempo de duração será em horário escolar iniciando as atividades às 8:00 hs e encerrando as oficinas às 18:00 hs com uma parada para um lanche.

 

Avaliação: Durante todo o processo de criação e atividades feitas veremos como as conversas irão fluir, quais grupos serão mais animados e como o respeito aos talentos serão admirados, tais como a exposição dos tecidos pintados, os desenhos e máscaras feitas , as unhas pintadas ou os brinquedos criados com as sucatas.

 

OBS.: Durante a Pandemia teríamos uma conversa antes e manteríamos a distância necessária e com  certeza mantendo todos os protocolos de distanciamento.

Esta atividade já foi realizada em nossa U.E. tivemos grandes momentos de conversas e revelamos talentos como Professora que virou Manicure, ATE que virou Professora de Artes, Professor que deu aula de Culinária, e a possibilidade de escolher qual oficina fazer foi maravilhosa porque permitiu que todos interagissem de forma leve, amigável e naquele momento não houve diferença entre cor, raça, religião ou profissão.