Tarefa 6 – Curso REP! – Ana Cláudia Lescano Romão

Data

3 de agosto de 2020

Cursista

Ana Cláudia Lescano Romão

Função

PEI

DRE / Unidade Educacional

Jaçanã / Tremembé

Escola

CEI DIRET ERMANO MARCHETTI

ESCUTATÓRIA: PROJETO DE ESCUTA DA EQUIPE DURANTE A PANDEMIA

Justificativa

A fim de acolher e amparar as dificuldades vivenciadas pelos profissionais da escola (inicialmente envolvendo professores e gestão escolar, mas que futuramente pretende incluir a todos: equipe de apoio, manutenção, merenda, limpeza e familiares) diante da pandemia de COVID-19 e frente ao retorno às aulas, a criação de um grupo de escuta se faz necessária. Além disso, a partilha de saberes, desafios, angústias e esperanças fortalece o grupo como um todo e contribui para a melhora da qualidade de vida dos profissionais e de sua atuação junto à comunidade escolar.

Objetivo

  • Acolher dúvidas, angústias, anseios, experiências e o que mais os participantes desejarem partilhar acerca de suas vivências pessoais e profissionais durante o período de distanciamento social propiciado pela pandemia de COVID-19, não se qualificando como um serviço de apoio à saúde mental, mas como uma alternativa para mediar os conflitos advindos desse momento;
  • Debater e compartilhar possíveis maneiras de enfretamento diante dos desafios apresentados, trazendo materiais pertinentes como textos de apoio, poesias, reflexões que tratem das temáticas introduzidas pelo grupo e utilizando métodos de comunicação da mediação de conflitos;
  • Fortalecer a equipe através do contato humano, da troca, do apoio e dividir o peso das experiências vivenciadas, através da escuta empática e do diálogo baseado no respeito, na troca de experiências e no reconhecimento da individualidade dos participantes.
  • Convidar profissionais de fora da escola, como psicólogo, por exemplo. para contribuir com o grupo com uma perspectiva diferente acerca das situações vivenciadas.

Duração

A duração do projeto é indefinida. O intuito é iniciar durante o período de afastamento social e continuar após o retorno às aulas presenciais, se possível, estendendo o convite aos demais membros da comunidade escolar: equipe de apoio, manutenção, merenda, limpeza familiares e crianças (de acordo com suas possibilidades e interesses, uma vez que nossa unidade escolar é um CEI).

Ações realizadas

Através de uma sala virtual numa plataforma como o Teams, criamos um grupo que se reúne semanalmente num horário previamente acordado por todos para conversar sobre os conflitos vivenciados, no decorrer da semana. Nesse momento, aqueles que se sentirem confortáveis, podem partilhar experiências pessoais ou mesmo ideias para resolução dos problemas apresentados.

De acordo com os temas ressaltados em cada conversa, são pesquisados materiais para partilhar na próxima reunião, a saber: textos de apoio sobre o tema, manuais sobre saúde mental elaborados por instituições qualificadas para fornecer estratégias de enfrentamento à pandemia que possam servir de auxílio às discussões, poesias e poemas, textos sobre relatos pessoais, músicas, vídeos ou o que mais o grupo considerar pertinente.

Após esse compartilhamento, o grupo fica livre para prosseguir com a conversa sobre o tema ou mesmo introduzir uma temática nova, à qual todos poderão reagir, levando sempre em consideração os princípios do respeito, da empatia, da equanimidade e da solidariedade.

Avaliação

A avaliação da eficácia do projeto se dará pela verificação do engajamento dos participantes e de suas impressões acerca desse espaço de escuta e do seu efeito em sua vida pessoal e profissional. A partir das experiências vivenciadas pelo grupo, serão redigidas Atas das Reuniões que servirão como auxílio na avaliação do decorrer desse processo e fornecerão dados que sustentem possíveis mudanças, continuidade ou interrupção das ações adotadas.