Tarefa 6 – Curso EDH – SELMA APARECIDA ARAUJO CAMPOS

Data

23 de julho de 2020

Cursista

SELMA APARECIDA ARAUJO CAMPOS

Função

Assistente de DIREÇÃO

DRE / Unidade Educacional

Jaçanã / Tremembé

Escola

EMEFM PROFESSOR DERVILE ALEGRETTI

  • O tema proposto – qual a questão a ser trabalhadaRELAÇÕES INTERPESSOAIS ENTRE PROFESSORES E ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL II NO PROCESSO DE APRENDIZAGEM
  • Justificativa – porque você escolheu essa questãoSem dúvida, um bom ensino inclui a capacidade de cultivar relacionamentos; é cuidar e apoiar os alunos, não apenas transferindo conhecimento para eles. Assim, este estudo levanta a seguinte problemática: qual a importância das relações interpessoais entre professores e alunos no processo de aprendizagem?

    A justificativa deste estudo se dá pela relevância do tema, já que atualmente as relações são mecanizadas e os professores vistos como máquinas do conhecimento, mas é preciso ir além. O professor pode ser um amigo para o aluno, tornando o processo de aprendizagem eficaz e significativo.

    O objetivo geral deste trabalho é mostrar a importância das relações interpessoais entre professores e alunos no processo de aprendizagem tendo como referência a experiência vivida como educadora no ensino público na cidade de São Paulo, nos últimos 5 anos. Para esta análise foram traçados dois objetivos específicos: discorrer acerca da relevância do relacionamento interpessoal e verificar como acontece o processo de aprendizagem.

  • A quem o trabalho se destina (se estudantes, de que faixa? Se adultos, de quais funções?)A análise se deu a partir da observação dos Trabalhos de Conclusão de Curso do Ciclo Autoral no Ensino Fundamental (TCA – Trabalho Colaborativo de Autoria) alunos do

    9ᵒ ano da EMEF Martin Francisco Ribeiro Andrada, localizada no Tremembé – SP. O Ciclo Autoral representa uma fase de maior amadurecimento, às portas da adolescência. Ao se depararem com novos desafios, eles são provocados a repensarem as relações entre conhecimentos adquiridos e vivências passadas, o que promove ressignificação e ampliação das aprendizagens e o pensamento reflexivo e crítico, com foco no intervir. Nessa perspectiva, também os Direitos de aprendizagem chamam a atenção à liberdade de expressão, ao potencial criativo e ao exercício da autonomia, tão importantes para o processo de aprendizagem e de constituição da identidade dos estudantes nessa fase de desenvolvimento. Por iniciativa dos alunos das três salas do último ano deste ciclo, realizamos ao longo do ano de 2018, atividades temáticas envolvendo as relações interpessoais entre professores e alunos no processo de aprendizagem

  • Finalidade – Qual a sua intenção, o que você deseja promover com este seu trabalho educativo.Gentilezas Neste período atuava nesta Unidade Escolar, como Coordenadora Pedagógica e recebia diariamente alunos e professores com questionamentos e angústias semelhantes: professores relatando desinteresse durante as aulas e alunos questionando sobre a atuação de alguns profissionais que só transferiam conhecimento. Diante das inúmeras ocorrências com professores específicos, iniciou-se na escola um movimento por parte dos discentes e docentes para encontrar o motivo do descontentamento mútuo e a busca por uma mediação de qualidade. Com o auxílio de professores em favor da prática educativa que busca autonomia dos seus educandos, iniciamos dinâmicas de grupo com os anos envolvidos com o objetivo de integração, reflexão, aprendizado e diversão para promover o conhecimento entre os envolvidos (professores e alunos). Com o passar do tempo alguns profissionais da educação, que não participavam da ação, se mostraram curiosos sobre o movimento, visto que os alunos apresentavam comportamento diferenciado, melhorando sua atuação em sala de aula. Os alunos também realizaram pesquisas e confeccionaram questionários optativos e facultativos para os professores. Neste trabalho, indagaram sobre a vida profissional e pessoal dos professores. Obtiveram boa adesão, utilizando os dados coletados, instrumentos para pesquisa no TCA (Trabalho Colaborativo de Autoria). Confeccionaram um Calendário das, onde sugestões eram registradas por todos os protagonistas desta ação, inclusive funcionários do grupo de apoio (secretaria, limpeza e cozinha).
  • Objetivos/Resultados esperados – Em que ponto você espera chegar com esse trabalho – que novas possibilidades vc prevê para continuidade.
  • Duração – Quanto tempo você prevê que será necessário.
  • As atividades que comporão a sequênciaOs objetivos traçados com esta ação resultou no desenvolvimento do clima de respeito nas aulas, no desenvolvimento de relações justas, sérias, humildes e generosas. Houve a conscientização da competência científica e a necessidade de ser generoso e sem arrogância. O processo de aprendizagem pode ser complexo, mas se houver afetividade e diálogo a educação acontece, pois é um processo de humanização. Estes efeitos foram encontrados entre muitos grupos de diferentes idades e profissões, pois a equipe de apoio, pais e responsáveis mencionavam mudanças no ambiente escolar. A forma como interagimos com as pessoas ao nosso redor: amigos, colegas de trabalho, familiares, ou  seja as diversas interações que podem acontecer baseadas em sentimentos, emoções e tipos de relacionamentos que temos com o núcleo de pessoas que nos cerca e nosso dia a dia, gera troca de informações entre os indivíduos, boas experiências e bons momentos.O processo de aprendizagem exige tomada de decisões e estabelecimento de tarefas. Respeitar a autonomia, a dignidade e a identidade do educando é um exercício de  bom senso por parte do educador.(FREIRE,2011)

     

     

     

  • Avaliação – Como você pretende verificar os resultadosObjetivo deste estudo foi mostrar a importância das relações interpessoais entre professores e alunos no processo de aprendizagem. Os processos de aprendizagem têm um interesse como atividades criadoras de valor dentro das organizações e é por isso que há um interesse de uma perspectiva de Sistemas de Informação – para “processar processos de aprendizagem” no seguinte sentido: Sistemas poderiam planejar processos de aprendizagem baseados em alguns insumos (incluindo as capacidades dos indivíduos) e produzir alguns resultados (incluindo a melhoria dessas capacidades).

    Com o desenvolvimento desta pesquisa foi possível afirmar que os processos de aprendizagem podem parecer complexos, pois hoje o professor não é tão respeitado, os alunos vêm o professor como chato em sala de aula, por isso estabelecer boas relações com os alunos além de melhorar o respeito pelo professor, torna o processo de aprendizagem significativo.

    A aprendizagem é alcançada quando os professores desenvolvem relacionamentos positivos com seus alunos, tornando-se conscientes de suas necessidades emocionais e tendendo a estes, resultando na probabilidade de que comportamentos inadequados não serão mais um problema.

    Os professores devem pensar criticamente e se perguntar por que os níveis de desempenho e realização dos alunos podem não estar onde deveriam estar e questionar a influência de suas próprias ações nos alunos. Professores reflexivos são aqueles que continuamente examinam suas próprias suposições e práticas e ajustam suas estratégias e idéias de ensino para melhor atender às necessidades de todos os seus alunos.

    Assim, é relevante que os professores pensem em estratégias que os aproximem dos alunos. Portanto, é possível concluir que reforçar os laços interpessoais pode melhorar significativamente o processo de aprendizagem do aluno.

    O presente estudo sugere que novas pesquisas sejam realizadas sobre esse tema afim de contribuir com o avanço científico na área da educação.