Tarefa 6 – Curso EDH – Erica Farias Oliveira da Silva

Data

5 de agosto de 2020

Cursista

Erica Farias Oliveira da Silva

Função

PEIF

DRE / Unidade Educacional

São Miguel Paulista

Escola

EMEI Professor Apparecido Domingues

                                                                              CURSO: EDH – DESAFIOS DO CONTEXTO ATUAL

 

TRABALHO FINAL: EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO- RACIAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL – EXERCENDO A EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS

 

                                                                                                                                          Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua                                                                                                                                                  pele, por sua origem ou ainda por sua religião. Para                                                                                                                                                   odiar, as pessoas precisam aprender, e se podem                                                                                                                                                           aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar.

Nelson Mandela

 

TEMA- AULA ESCOLHIDO: RAÇA E RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS: BRANQUITUDE E ALGUMAS QUESTÕES

 

JUSTIFICATIVA:  

Durante a aula número 2 deste curso com a temática acima citada, que embasa esse trabalho, a professora e palestrante Luciana Alves falou uma frase que muito me marcou “ Escola – espelho sem reflexo”. Pensei, a escola que trabalho é assim? Onde e quando crianças de diferentes etnias se sentem representadas? O que estamos fazendo diante de tudo isso? Sem contar que frequentemente vemos nos meios de comunicação notícias tristes sobre preconceito e discriminação. Assim, a escola deve garantir, desde a educação infantil, espaços de diálogo e formação, para educar para as relações étnico-raciais, combatendo toda e qualquer prática de preconceito e discriminação, promovendo o respeito mútuo, criando assim condições para a educação em direitos humanos.

 

FINALIDADE:

Educar para as relações étnico-raciais promovendo relações respeitosas e representativa no contexto escolar

 

OBJETIVOS:

  • Promover ações que garanta a representatividade de todos os grupos étnico-raciais nos espaços da escola, materiais, entre outros;
  • Garantir que a escola se torne espaço de diálogo, acolhimento, escuta e segurança intervindo e coibindo qualquer prática de preconceito e discriminação racial;
  • Combater o preconceito, discriminação e racismo;
  • Formar sujeitos não racistas e antirracistas;
  • Colaborar para as relações étnico-raciais respeitosas;
  • Oportunizar formações, troca de conhecimentos e experiências para todos os educadores;
  • Tornar a comissão de mediação de conflitos mais ativa para essa temática;
  • Fortalecer o Projeto político pedagógico da unidade garantindo os objetivos listados.

 

AÇÕES:

  • Compra de materiais que garanta a representativa de todos os grupos étnico-raciais, como livros, bonecas e bonecos entre outros, necessários na unidade escolar e ressignificar os espaços considerando essa representativa;
  • Promover formações, debates e rodas de conversa na escola para toda comunidade escolar sobre as relações étnico-raciais, preconceito, discriminação e racismo;
  • Revisar o PPP da unidade escolar.

 

 

SEQUÊNCIA DE ATIVIDADES:

  • IDENTIDADE

PROPOSTA DE ATIVIDADES:

  1. CONHECER COMO CADA UM SE RECONHECE- Ainda hoje temos, tanto adultos como crianças, que não se reconhece pertencentes a sua real etnia, para melhor conhecer e filtrar este cenário, podemos dispor de variadas fotos de pessoas com características e etnias diferentes e perguntar individualmente com qual ela se identifica. Diante das respostas, levantar outros questionamentos que possa compreender a sua escolha;
  2. CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE – Atividades que fortaleça a construção da identidade como autodescrição em frente ao espelho, autorretrato, referências familiares e leituras, como: “ Que cor é minha cor” de Matha Rodrigues onde podemos problematizar também a questão polêmica “ lápis cor da pele”;
  3. RODA DE CONVERSA: – Oportunizar a fala e a escuta das crianças sobre o tema.

 

  • REPRESENTATIVIDADE

PROPOSTA DE ATIVIDADES:

1.Pensando em inserir na rotina das crianças e educadores a diversidade, criar ambientes para brincadeiras com bonecas e bonecas de diferentes etnias e observar falas e atitudes das crianças;

  1. Inserir na rotina de leitura livros que contemplem a diversidade racial;
  2. Inserir filmes que contemplem a diversidade racial, valorizando-a;
  3. Trazer referências para os ambientes escolares nas paredes da escola, murais etc, como também em histórias de pessoas da comunidade e grandes personalidades.

 

  • AMPLIAR O CONHECIMENTO E VALORIZAR AS MINORIAS

 

PROPOSTA DE ATIVIDADES:

  1. PROJETO SOBRE A CULTURA AFRO- Trazer conhecimento sobre a cultura e sua influência no nosso cotidiano- propor oficinas para crianças e adultos abordando: brincadeira, culinária, vestimenta entre outros
  2. PROJETO SOBRE A CULTURA INDÍGENA: Trazer conhecimento sobre a cultura e sua influência no nosso cotidiano- propor oficinas para crianças e adultos abordando: brincadeira, culinária, vestimenta entre outros.
  3. DIVULGAÇÃO: Usar os canais de comunicação da escola como: página no Facebook, Google Classroom, agenda, grupos de Whatsapp, para informar, conscientizar, debater e fortalecer as ações na escola.

 

DURAÇÃO:  

Durante todo ano letivo

AVALIAÇÃO:

Contínua, baseada na observação e desenvolvimento dos envolvidos, considerando os objetivos propostos.