Tarefa 6 – Curso EDH – crisina aguera

Data

7 de agosto de 2020

Cursista

crisina aguera

Função

Pei

DRE / Unidade Educacional

Campo Limpo

Escola

Cei Paulo e Admar

Tema: Educar para o Respeito no Cotidiano

Justificativa: A  Educação em Direitos Humanos precisa acontecer em todas as práticas no cotidiano, e não de forma fragmentada. O respeito às diferenças deve ser trabalhado desde a mais tenra idade.

A quem o trabalho se destina: Às crianças do Cei, de 0 à 3 anos.

Finalidade: Promover a Educação em Direitos Humanos por meio da vivência e da valorização cotidiana desses direitos nas situações vividas pelas crianças.

Objetivos: Oportunizar um ambiente em que as crianças aprendam a respeitar e a serem respeitadas, sem preconceito em relação à diversidade, seja ela qual for.

Duração: Durante todo o ano letivo.

As atividades livres ou dirigidas devem possibilitar a participação de todos igualmente, independentemente de gênero, raça, ou qualquer outro fator, todos devem ser acolhidos e tratados com dignidade.

Leitura e Contação de histórias:

As histórias escolhidas devem trabalhar valores como a justiça e o respeito, e apresentar situações de igualdade e de não discriminação racial ou sexual. O repertório das histórias ofertadas deve ser variado e que explore e valorize as culturas afro-brasileiras, indígenas e africanas, trazendo representatividade negra para o cotidiano do cei e valorizando também a identidade racial das crianças, não apenas nos textos, mas também nas imagens dos livros, em que elas podem ver e manusear. E além das histórias e contos, os filmes também são importantes veículos para explorar diferentes culturas e etnias.

Brinquedos e Brincadeiras:

A presença de bonecos, bonecas e fantoches de diferentes etnias incentivam a valorização de características étnico-raciais e o respeito às diferenças, bem como as cantigas, acalantos, jogos e brincadeiras de diferentes procedências, das quais as crianças devem desfrutar plenamente.

Mediações:

Além dos momentos destinados às rodas de conversa no cotidiano do cei, é muito importante para as crianças os momentos de mediação por parte do professor/educador. Essas mediações fazem com que as crianças aprendam o respeito mútuo, pois podem explicitar os valores e as atitudes que estão presentes nas diferentes situações vividas pelas crianças.

Avaliação:

Promover a Educação em Direitos Humanos não é tarefa exclusiva do professor, mas de toda comunidade escolar e também das famílias. Espera-se que através das atividades e interações, as crianças aprendam formas de agir que respeitem o outro, e que sejam capazes de exigir respeito para si.