Tarefa 6 – Curso EDH – Claudia Regina da Silva Cartone

Data

6 de agosto de 2020

Cursista

Claudia Regina da Silva Cartone

Função

Professor Ens Fund II

DRE / Unidade Educacional

Itaquera

Escola

EMEF Águas de Março

Claudia Regina da Silva Cartone – [email protected]

Cursista: Claudia Regina da Silva Cartone

Tema: Igualdade Racial

Justificativa

Diante dos inúmeros acontecimentos noticiados pela mídia em geral sobre discriminação racial, vê se a oportunidade de mais uma vez promover a discussão e reflexão a partir do tema Igualdade Racial. Tema importante e necessário que a todo o momento deve fazer parte da discussão escolar.

Considerando a idade dos participantes, que encontram-se em fase formação, e todo o ambiente educacional que acaba por promover hostilidade entre os membros, surgindo ações marcadas de preconceito e discriminação, sendo muitas dessas ações produto do racismo estrutural, se dá a necessidade desse projeto.

 

Público-alvo

Estudantes do Ensino Fundamental II, faixa etária 12 a 14 anos.

 

Finalidade

Discutir com os estudantes sobre o racismo estrutural, valorização da miscigenação no Brasil e respeito às diferenças, dessa forma contribuindo para uma sociedade mais justa e democrática.

Promover a tomada de consciência na mudança de comportamento, deixando de ser reprodutores de falas e ações que disseminam ainda mais a prática do racismo estrutural.

Objetivos:

– Identificar situações de preconceito em relação aos negros, principalmente situações que fazem parte do racismo estrutural;

– Identificar a importância da discussão e da necessidade de combate ao racismo;

– Posicionar-se contra qualquer tipo de discriminação racial;

– Promover uma melhor convivência entre os estudantes dentro e fora do ambiente escolar

 

Duração

Atividades realizadas pela plataforma Google Classroom.

4 semanas

 

Atividade 1

– Assistir ao vídeo Infância sem racismo, campanha do UNICEF. Fundo das Nações Unidas para a Infância e saiba mais sobre essa importante instituição originária da ONU – Organização das Nações Unidas;

https://www.youtube.com/watch?v=_aPYuKiKFMg

– Acessar a página do UNICEF e conhecer as 10 maneiras para contribuir por uma infância sem racismo.

– Gravar um vídeo ou podcast comentando uma das maneiras para combater o racismo sugerido pelo UNICEF:  Medida nº 7. Valorize e incentive o comportamento respeitoso e sem preconceito em relação à diversidade étnica e racial.

– Assistir ao vídeo do portal Entrelinhas –  Preconceito, racismo e discriminação:

https://www.youtube.com/watch?time_continue=1&v=7HCKaQUAVU4&feature=emb_title

– Por meio do vídeo ou podcast responder questões sugeridas sobre o tema:

  1. a) O que é preconceito?
  2. b)  O que é racismo?
  3. c)   Quais os tipos de preconceito você conhece?
  4. d)  Cite alguns exemplos de discriminação?
  5. e)  Como podemos valorizar e incentivar o comportamento respeitoso e sem preconceito em relação à diversidade étnica e racial?

 

Atividade 2

  • Ler a notícia “Estudante é vítima de racismo em troca de mensagens de alunos de escola particular da Zona Sul do Rio”;

https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2020/05/20/estudante-e-vitima-de-racismo-em-troca-de-mensagens-de-alunos-de-escola-particular-da-zona-sul-do-rio.ghtml

 

Responder as questões sobre a notícia e a música:

a) Do que trata a notícia?

b) O que a estudante Ndeye Fatou Ndiaye disse sobre o caso?

c) Qual foi a atitude tomada pela família da estudante diante do caso? Por quê?

d) Segundo a estudante uma das formas de se combater o racismo é com conhecimento. Cite alguns exemplos de combate ao racismo.

e) Qual o problema social retratado na letra do rapper Gabriel, o Pensador?

f) Segundo o rapper Gabriel, o Pensador por que o racismo é burrice?

g) O que significa fazer uma lavagem cerebral, segundo a música Racismo é burrice?

h) O que o autor quis dizer nos versos:

Nascemos da mistura, então por que o preconceito?

Barrigas cresceram, o tempo passou

Nasceram os brasileiros, cada um com a sua cor

Uns com a pele clara, outros mais escura

Mas todos viemos da mesma mistura

 

Atividade 3

1) Ler o texto introdutório sobre racismo estrutural;

Racismo estrutural: https://brasilescola.uol.com.br/sociologia/racismo.htm

2) Ler as tirinhas sugeridas:

Tirinha 1 – Pedro Leite – Racismo sem querer https://www.geledes.org.br/racismo-sem-querer/

Tirinha 2 – Armandinho – https://www.instagram.com/tirinhadearmandinho/

  • Responda aos exercícios.
  • a)     Qual é o tema das tirinhas?
  • b)     Qual das tirinhas refere-se ao racismo estrutural? Por quê?
  • c)     Na segunda tirinha o personagem Armandinho e seu pai conversam sobre as pessoas serem portadoras de algo que pode ter cura. O pai do menino compara o preconceito a quê?
  • d)     Segundo o pai do personagem Armandinho, o preconceito “pode ser transmitido pelos pais, amigos da escola e até e pela tv”, qual relação podemos fazer da fala do pai com a primeira tirinha?

 

 

Atividade 4

–  Encontro online por meio da plataforma Google Meet em 05/08/2020;

– Encontro para discussão das atividades propostas durante a realização do projeto;

– Discussão sobre o racismo no Brasil;

– Heróis do que lutaram contra o racismo no Brasil e no mundo;

– Como ser antirracista e como não repetir os mesmos erros que fazem parte de uma sociedade que tem muito a avançar na questão da valorização d diversidade humana.

 

Avaliação:

O projeto foi bem sucedido mesmo sendo realizado na dinâmica online que tínhamos para o momento.

Os alunos fizeram questionamentos ao longo do período das postagem das atividades e tiveram a oportunidade de se espessarem diante do grupo na aula online.

Na aula online os alunos discutiram o tema e as atividades propostas, alguns complementaram com as próprias experiências.

Tirinha Armandinho

Tirinha Racismo sem quere