Tarefa 6 – Curso EDH – Ana Carolina Porto Lemes

Data

30 de julho de 2020

Cursista

Ana Carolina Porto Lemes

Função

Professor educação infantil e ensino fund 1

DRE / Unidade Educacional

Penha

Escola

Emef Luis Washington vita

 

Tema proposto: Direitos e respeito a todos os seres humanos.

Justificativa: me removi para uma escola, e como fiquei em ultima na listagem de classificação para escolha, acabei atribuindo a sala que nem professor quis, era uma sala de 4º ano, com muitos problemas de convivência e relacionamento, ao longo do ciclo de alfabetização, eles tinham tido mais de seis professoras. Com isso, a turma tinha muitos problemas de aprendizagem, e muito mais problemas de convivência.

Me senti perdida, pois vinha de uma escola que as coisas eram melhores organizadas, e fui percebendo que muito além das aprendizagens de conteúdos, tínhamos um problema de convivência, de muito desrespeito, agressões físicas, verbais entre os colegas (inclusive entre as famílias) e uma falta de referencia com a professora em sala.

Desse modo, elaborei um projeto para que a convivência entre eles melhorassem  e que pudéssemos entender através de alguns pontos dos direitos humanos o quão importante é o respeito ao outro.

Objetivos/Resultados esperados:

  • Compreender a importância do colega para nossa formação
  • Respeitar as diferenças
  • Parar de se agredir fisicamente e verbalmente
  • Realizar pesquisas na internet e/ou livros
  • Trabalhar em grupo
  • Expor oralmente os conhecimentos adquiridos
  • Expor em forma de cartazes a pesquisa para que ficasse publica aos alunos dos outros períodos e para a turma, sempre que necessário.

As atividades que comporão a sequência: As atividades tiveram duração de duas semanas, aproximadamente

Etapa permanente: Leitura coletivas de livros sobre diferenças, respeito e direitos humanos e  cantinho da leitura com esses livros a disposição.

Etapa 1: Pesquisa – nessa etapa, os estudantes perguntaram aos seus familiares “o que são Diretos Humanos?” trouxemos a pesquisa para a sala fazendo um levantamento de conceitos e conhecimentos prévios sobre o assunto. Pesquisamos na sala de informática sobre o que são Direitos Humanos, e fizemos uma roda de conversa com a turma.

Etapa 2: Escolhas – nessa etapa, fizemos a leitura dos Direitos e elencamos por votação qual direito queríamos trabalhar naquele momento. Fomos atrás de imagens, textos e situações para dividir com a turma sobre a temática escolhida.

Etapa 3: Mãos à obra – nessa etapa, dividimos a turma em grupos produtivos, e orientamos para a produção de cartazes, após a confecção dos cartazes (feita através de muitas mediações de conflitos) fomos para a etapa de apresentação, onde cada grupo apresentou o trabalho realizado e o que achava daquele Direito Humano. Seguimos com a escolha democrática de onde os cartazes poderiam ficar expostos, e tiramos foto para registrar o trabalho do grupo.

Etapa 4: Avaliação – Conversamos sobre as aprendizagens nesse momento.

 

Relato: Pude perceber que após esse trabalho e com a mediação diária de conflitos, as confusões entre os alunos foram sendo diminuídas, os cartazes ficaram quase até o fim do ano expostos, e sempre olhávamos quando necessário. Virou uma atividade permanente expor cartazes e trabalhar em grupo, mesmo que isso me dava muito trabalho, pude perceber que eles iam melhorando e se respeitando mais.

No momento, eu precisava de uma atividade rápida que surtisse efeito para que eu conseguisse começar com os conteúdos do ano, funcionou, mas se eu fizesse hoje, eu iria aprofundar mais depois dessa primeira atividade, trabalhando algumas temáticas por mês e principalmente tentando a relação maior com a família, para que as discussões de gênero, de racismo, de direitos, chegassem a um número maior de pessoas.