Reflexão sobre o documentário juízo

Homepage Fóruns Assuntos Gerais Aula 5 – Mediação de Conflitos Reflexão sobre o documentário juízo

Visualizando 5 posts - 1 até 5 (de 5 do total)
  • Autor
    Posts
  • #14256

    As cenas do filme Juízo me angustiaram muito, os jovens não foram escutados e ficou claro que esse sistema só visa a punição. Já na reportagem a ideia é que os envolvidos possam falar e escutar para repensar seus comportamentos, lhes é dado a possibilidade de agirem diferente.
    Em muitas escolas que já trabalhei a maneira da juíza agir é a predominante, eu mesma já fiz esse papel em algumas situações. Hoje estou em uma escola que tenta outros caminhos, porém o caminho da mediação de conflitos por meio da escuta, do diálogo é algo que necessita de muito estudo e formação dentro das escolas. Pois a punição, em boa parte das vezes, ainda é vista como a melhor a saída.

    #14270

    Fany, também me senti aflita vendo aquelas cenas, a partir daquele vídeo fiz algumas reflexões…
    No cotidiano da escola, em nossa rotina engessada e corrida, muitas vezes agimos assim, o conflito acontece e nós na pressa de resolvê-lo e com o tempo contado já decidimos o que cada criança deve fazer para “diluir” aquele conflito, e para finalizar pedimos para que elas se abracem e pronto! Magicamente tudo resolvido… ou seja, aquele tempo que deveríamos ter, para que as crianças elaborem um caminho que chegue a uma solução que contemple os dois lados, esse tempo realmente não temos! Acredito que toda a escola deva estar envolvida nestas situações, pensando em soluções e propostas que vislumbrem, senão uma solução, pelo menos um caminho que dê possibilidades reais de parar, escutar, olhar nos olhos, proporcionar condições para que as crianças percebam a situação e construam suas relações e suas soluções!

    #14420
    Olivia Ricci
    Participante

    Também fiquei muito angustiada com as cenas do filme Juízo, e me lembrei de diversas situações do cotidiano escolar muito semelhantes às cenas. Infelizmente não acredito que este tipo de atitude eduque e contribua para o desenvolvimento desses jovens, muito pelo contrário. Porém, ainda há muitas pessoas e educadores que acreditam nesse tipo de atitude.

    #15239

    Não sei se angústia é a palavra, mas me levou a reflexão. No ambiente escolar, desde a educação infantil tendemos a atuar como a promotora enquisitiva, diante de disputas e confusões entre as crianças, muitas vezes nos colocamos no papel de identificar quer errou e qual será sua punição, não buscamos nem pela medida restaurativa e muito menos pela mediação. Essa formação e em especial esse módulo me abriu os olhos a essa perspectiva.

    #15322

    As cenas do curta “O Juízo” de longe são bens impactantes e infelizmente nos lembram algumas posturas de determinados profissionais no ambiente escolar.
    É dolorido de se pensar que em alguns ambientes educativos ainda existam práticas como essas na resolução de conflitos com os estudantes.
    Por isso a importância da informação e consequentemente a reflexão desses profissionais para uma mudança de postura.

Visualizando 5 posts - 1 até 5 (de 5 do total)
  • O fórum ‘Aula 5 – Mediação de Conflitos’ está fechado para novos tópicos e respostas.