Qualificação da Escuta na Educação Infantil

Homepage Fóruns Assuntos Gerais Aula 2 – Respeito Mútuo Qualificação da Escuta na Educação Infantil

Visualizando 6 posts - 1 até 6 (de 6 do total)
  • Autor
    Posts
  • #11819

    Boa noite, como neste atual momento de aulas remotas, podemos enquanto educadores, qualificarmos a escuta de nossas crianças de maneira efetiva e equitativa, sendo que os meios de acesso para com as famílias é restrito ás plataformas de acesso, nem sempre possíveis para todos e todas na atual circunstância ?

    #11900

    Honoria da Silva Costa- As crianças são a base de toda humanidade, não só da educação. “Ensina a criança no caminho em que deve andar e ela nunca esquecerá”, através de atos, posturas, exemplos, etc. A criança está sempre atenta a tudo e a todos ao seu redor, sendo que pedagogicamente o concreto é a melhor forma de ensino- aprendizagem. Então como educadores (professores, funcionários, comunidade escolar, famílias, etc), temos que construir o conhecimento destas crianças de forma positiva na práxis com bons exemplos (respeitando a todos).Somos uma janela de vidro, onde o tempo todo alguém está nos observando (esta foi um comentário de um sábio professor que passou pela minha vida), então sejamos exemplo.

    #13367

    Caren,
    Em resposta a sua pergunta relato que na nossa escola iniciamos enviando uma entrevista via formulário google docs para que os adultos entrevistassem a criança e a partir das respostas das crianças iniciamos as propostas de vivências em casa com as famílias. No segundo momento realizamos um encontro virtual com as famílias, pela plataforma hangout do google, e foi muito bacana as crianças conversarem um pouquinho com as professoras e colegas. Durante todo o processo estamos recebendo áudios e vídeos das crianças como forma de devolutiva das crianças, onde também é possível fazer uma escuta além da palavra.São tentativas que jamais se aproximam da interação que ocorre cotidianamente no interior da escola, mas nos mantém próximos de alguma forma e permite escutar as crianças.

    #13381
    Rogê Carnaval
    Moderador

    Olá cursistas!

    Margareth, que relato fascinante! Evidentemente que a sua preocupação, Caren, é fundamental, uma vez que a desigualdade que tanto denunciávamos e sabíamos existir se desnudou de uma maneira brutal nesse contexto de pandemia. Nem todos acessam as ferramentas digitais, e de fato esse é um desafio para nós, educadores, efetivamente difícil de transpor. Mas é interessante observar como aproveitamos cada brecha, cada ferramenta que conseguimos ter acesso para exercitar o que há de mais importante, ainda que com as dificuldades dos meios. Mas o princípio é o mesmo: ouvir, exercitar a escuta, qualifica-la, pensar estratégias, romper obstáculos, ainda que muitos sejam intransponíveis em função da realidade material mesmo.

    Talvez o que fique de mais relevante é a urgência de pensarmos como tornar a sociedade brasileira menos desigual. Como pode uma das 10 maiores economias do mundo continuar ostentando o vergonhoso índice de desigualdade social que temos em nosso país? Como pode os do topo da pirâmide social pagarem proporcionalmente menos impostos que os da base da pirâmide? Passou da hora de discutirmos a fundo como reverter isso, e quando a realidade bate na nossa cara como a pandemia fez, nosso ímpeto de ação fica mais aguçado!

    Parabéns pelas inquietações e questionamentos!

    Abraços,
    Rogê

    #13580

    A criança tem o direito de ser ouvida, assim como respeitada em suas escolhas e posicionamentos, mas percebemos que a sociedade ainda demonstra certa dificuldade em compreender e colocar esses direitos em prática.

    #13611

    Acredito que a escuta nesse momento seja de extrema importância, uma escuta real, quais as necessidades dessas famílias, crianças, bebês? O que podemos fazer amenizar as consequências trazidas com a pandemia.

Visualizando 6 posts - 1 até 6 (de 6 do total)
  • O fórum ‘Aula 2 – Respeito Mútuo’ está fechado para novos tópicos e respostas.