Devolutiva das Formadoras

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #12104
    Celinha Celinha
    Moderador

    Aula 1:
    Olá a todes Cursistas!
    Espero que estejam bem.
    Muito bom ler os comentários feitos sobre a aula 1. Somos gratos! Assim podemos, à distância, ter uma noção de como a aula reverberou, de como trouxe questões e fortalecimentos.
    Quero iluminar duas questões: a primeira é sobre currículo. Vários comentários falam de que a escola precisa falar de Direitos todo o tempo. É bem verdade e temos enfatizado essa questão em todo o curso. Currículo é tudo que acontece na escola. Assim como educadores são todos que trabalham no ambiente escolar. Um comentário diz sobre “ter sentido falta de aprender sobre Direitos Humanos quando estudou”. Em verdade, ensinar Direitos Humanos é uma concepção um tanto recente. Porém, sempre se falou sobre Valores nos espaços escolares. Impossível não ensinar valores, quaisquer que sejam eles.
    Daí a necessidade de cuidarmos de tudo que comunicamos e fazemos. Quais valores estamos ensinando?
    Cabe lembrar que as áreas do conhecimento também são caminhos, e muito potentes, para discussão dos Direitos Humanos. Pensando nisso, convidamos os cursistas para conhecer o caderno EDH para Todas as Idades. Lá vocês encontrarão atividades para todos os ciclos desde a Educação Infantil e poderão entrar em contato com uma multiplicidade de intervenções com a premissa de que Educação em Direitos Humanos seja uma constante.
    O PDF do caderno está no Portal. Vocês podem acessar através deste link:

    EDH para Todas as Idades

    A segunda questão trata desta semana bastante triste que tivemos. O assassinato de George Floyd e a morte do garoto Miguel Otávio Santana da Silva. Tais acontecimentos não passaram desapercebidos pelos cursistas que os citaram em seus comentários. Talvez não poderia ser diferente. Ficamos todos chocados e amargurados com as duas mortes tão violentas. Ilumino esta questão pois se trata de reforçar a ideia principal de toda luta por Direitos Humanos: eles são para todos! É impossível ter uma sociedade justa apenas para uma parcela de pessoas. Por isso, a violação de direitos a qualquer cidadão, esteja ele perto ou distante de mim, seja ele quem for, deve me indignar de forma intransigente.
    E aqui, para fechar este comentário, convém lembrar uma frase de nosso querido Vladimir Herzog:
    “Quando perdemos a capacidade de nos indignar com as atrocidades praticadas contra os outros, perdemos também o direito de nos considerarmos seres humanos civilizados”
    Por enquanto, é isso, meus amigos
    Tenham excelente fim de semana!

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • O fórum ‘Aula 1 – Direitos Humanos e Educação em Direitos Humanos’ está fechado para novos tópicos e respostas.