4. ATORES PARA o desenvolvimento do Projeto
 
4. ATORES PARA o desenvolvimento do Projeto

Para que o desenvolvimento do Projeto Respeitar é Preciso! aconteça, é fundamental uma organização mínima que conte com a participação de alguns atores com funções específicas para garantir condições institucionais e de interlocução entre os participantes, o que constitui um espaço formativo importante deste trabalho.

Diretores: A participação do diretor é essencial desde o início do Projeto e em todo o seu desenvolvimento para promover e criar condições para a realização dos trabalhos. O diretor será um organizador das ações, apoiando e tomando decisões sobre questões essenciais para o andamento do Projeto, entre as quais se destacam a viabilização de espaços e tempos para que os educadores se reúnam e realizem as atividades do Projeto, o acompanhamento do Projeto pelo Conselho e o envolvimento do Grêmio.

Coordenador pedagógico: Nessa parceria necessária, o coordenador pedagógico é o responsável pela organização e pela coordenação das ações de formação e pela condução do desenvolvimento curricular nas escolas. Assim, a interlocução entre eles é essencial para que haja apoio mútuo na abertura de espaço na agenda de ações reuniões que já fazem parte da rotina da escola, mobilização de professores e planejamento das atividades em horários de Projetos Especiais de Ação (PEA), Jornada Especial Integral de Formação (Jeif) etc. Em muitas escolas, a mesma pessoa exerce essas duas funções.

Mobilizadores: É importante que cada escola participante indique um (ou mais de um) de seus integrantes para mobilizar a comunidade escolar e atuar junto com o diretor como organizador das ações do Projeto Respeitar é Preciso! Esses mobilizadores podem pertencer a qualquer um dos segmentos da comunidade escolar (coordenador pedagógico, professor, funcionário ou responsável pelo aluno).

Eles participam do Projeto como os demais, mas têm funções específicas: promover a integração do Projeto na escola, mobilizando a todos para a participação, organizar as ações, elaborar relatórios informativos e, principalmente, organizar a equipe escolar para a própria formação, colocando em prática as propostas do Projeto. Os mobilizadores também são o elo de ligação entre a escola e as secretarias parceiras, a equipe do Vlado Educação e as outras escolas participantes.

Educadores do Vlado Educação: As ações de formação são realizadas pelos educadores do Vlado Educação, experientes nos diferentes segmentos da escolaridade, que, por sua vez, terão o acompanhamento da coordenação do Projeto e de consultores especialistas. O educador é responsável pelo acompanhamento, pela assessoria e pela formação das escolas envolvidas no Projeto.

Técnicos das DREs: São importantes a interlocução e a proximidade com as Diretorias Regionais de Educação (DREs) para que seus técnicos, incluindo os supervisores escolares, acompanhem o desenvolvimento do Projeto, possam compreender, participar e apoiar as transformações que devem ocorrer, garantindo, assim, que a estrutura da rede de ensino possa se apropriar do trabalho.

Consultores: O Projeto conta com a colaboração de especialistas em Direitos Humanos, Educação em Direitos Humanos, educação em valores e análise institucional para contribuir com o processo formativo e o aprofundamento das questões que forem colocadas pelas escolas ao longo do processo.


Bibliografia